Category Archives: Radioamador

Antena Portátil VHF/UHF

Para poder utilizar um HT (rádio portátil) na comunicação via satélites, é necessário ter dois equipamentos ou uma antena dual-band, pois na maioria dos satélites os links de up e down são normalmente inversos. Isto é, transmite em VHF e recebe em UHF (e vice-versa). Como eu não tenho dois equipamentos a disposição, resolvi correr atrás de uma antena de boa qualidade com um bom ganho e encontrei a antena portátil 2V4U no site do amigo Roland. Esta antena tem um ganho estimado de 10 dBi em UHF e 6,2 dBi em VHF, além de ser extremamente fácil de se construir.

As medidas para a construção da antena são (fonte: PY4ZBZ):

Medidas dos elementos, para diâmetro de 1,5 mm (varetas de solda), respectivamente comprimento e separação (em mm) em relação ao radiador UHF Su:

D2 : 307 e 384   ;   D1 : 309 e 150   ;   Su : 330 e 0   ;   RU : 328 e -176 ;

Sv : 957 e -20   ;   RV : 1020 e -385

Medidas dos elementos, para diâmetro de 3 mm (cobre ou alumínio), respectivamente comprimento e separação (em mm) em relação ao radiador UHF Su:

D2 : 300 e 384   ;   D1 : 308 e 150   ;   Su : 324 e 0   ;   RU : 328 e -176 ;

Sv : 946 e -32   ;   RV : 1000 e -440

Para a montagem da minha antena, utilizei conduítes e suportes de conduítes, ambos encontrados facilmente em casas de construção/elétrica. Os elementos foram feitos com varetas de solda de alumínio. Ainda não pude testar o desempenho da antena na prática, mas seguem algumas fotos da antena finalizada e o resultado dos testes efetuados com equipamento de medição.

Nas simulações feitas pelo Roland, a antena teria um SWR de quase 1:1 em 146 Mhz (VHF) e 436 Mhz (UHF), com aproximadamente 50 Ohms em ambas as frequências. Ma prática, cheguei muito perto da simulação: melhor SWR=1,07:1 em 146.181 Mhz e melhor SWR 1,23:1 em 436.204 Mhz.

Caracterizando o Filtro RBP-140+

O filtro RBP-140+ é uma boa opção para quem esta tendo problemas de interferência durante a recepção de sinais VHF (principalmente satélites meteorológicos, como os NOAA e METEOR que possuem sinais relativamente fracos) mas não quer montar seu próprio filtro VHF. Ele possui frequência central de 140Mhz e sua perda é de 2.6dB (informações do Datasheet). Na pratica, o resultado foi bem próximo. Segundo os testes efetuados em um VNA, a frequência de menor perda é 130Mhz, com 2.32dB de perda. Comparado ao meu filtro de construção caseira (aqui), a perda é maior, já que consegui uma perda de 1.72dB em 137.5Mhz.

A atenuação dos dois é bem parecida, ficando na média de 55dB (o datasheet diz que a atenuação típica é de 40dB). Contudo, consegui deixar o meu filtro com uma banda um pouco menor, filtrando melhor os sinais próximos da banda passante.

A grande vantagem deste filtro é que ele é um produto pronto. Basta você mandar fazer uma PCB (você também pode montar em casa) e soldar o componente nela. Pronto, seu filtro esta pronto para uso!

Para baixar os resultados dos testes clique nos links abaixo:

Vale lembrar que este filtro é somente para recepção de sinais. A potencia máxima de entrada é de 0.3W.

Nova antena DCA para satélites meteorológicos

Depois de não obter sucesso na primeira antena DCA (Double Cross Dipole) montada, resolvi tentar novamente. Dessa vez, utilizei cabos RGC-58 ao invés do RG-58. Também adicionei ferrites nos dipolos e com a ajuda de um amigo (Sr. Wilson), consegui tunar a antena exatamente para 137Mhz utilizando um analisador de antenas da Comet.

A estrutura da antena continua a mesma: tubos de PVC para sustentação e dipolos de alumínio 3/8. Para segurar os dipolos nos canos de PVC, utilizei silicone industrial ao invés de massa plástica…dá menos trabalho e seca mais rápido! A saída dos fios de cada dipolo também ficou mais próxima do dipolo, e não do centro (cruzeta), como na versão anterior. Também utilizei um conector VHF para efetuar a ligação com com o SDR (na versão anterior, o fio do cabo era soldado diretamente na antena). E por último, a pintura para proteger um pouco a antena do sol (dessa vez Azul).

As primeiras imagens recebidas com esta antena estão aqui.

Imagens recebidas por SSTV do satélite bolinha

Imagens recebidas por SSTV através do famoso satélite ‘bolinha’, oficialmente chamado de Fltsatcom 8. Trata-se de um satélite militar americano desativado, onde vários ‘piratas’ (principalmente caminhoneiros brasileiros) o utilizam para comunicação e envio de imagens. Essas imagens são transmitidas por SSTV e ninguém sabe de onde vem ou para quem são destinadas, mas especula-se que são transmitidas a partir da Espanha.

 

Imagens Recebidas do Satélite NOAA

Seguem algumas imagens que recebi do satélite meteorológico NOAA através de um filtro VHF + LNA + receptor RTL-SDR.

27/12/2015

15/12/2015

13/12/2015

11/12/2015

09/12/2015

07/12/2015